domingo, setembro 07, 2008

domingo, setembro 07, 2008

"Poetamigos"

Três poetas, três amigos, que, generosamente, me transformaram em musa e me fizeram acreditar que a vida real pode, às vezes, superar os sonhos em expectativa e beleza.

Cássio Amaral

sua poesia ora doce e lírica, ora de um realismo, de uma crueza, que chega a machucar, mas sempre bela e carregada de emoção. seus versos enfeitam os meus olhos.
o Cássio é uma pessoa iluminada, um amigo fiel e solidário, um companheiro para todas as horas...
dele ganhei:

Fortuna

Voz que a madrugada cintila

Num blues que espero

Estrelas distraídas nos olhos

Sol da existência singela

Fogo e ar

Traduzidos num vôo

Que o universo de luz diz

Reflexo da natureza

Estrada incerta

Rara beleza

Mantra envolto em lua e incenso

Mandala fagulha da alma

Cama paixão berço

Misto de vulcão

Canção que canto


aquilo que quero conhecer.

José Viana Filho

o José é romântico, gentil, um ótimo amigo, que acredita que sou melhor do que realmente sou. suporta-me, com bom humor, até quando eu mesma reconheço que estou insuportável. sua poesia é suave, bonita e aquece o meu coração. dele, já ganhei muitos poemas, mas escolhi este para postar:

Foto

Em um outro nivel

desta minha vida

peço-te teus lábios...

e por cima e acima

das rimas que não faço,

fecho os olhos, me calo

ainda assim acredito

e te beijo.


Alisson da Hora

meu mais recente amigo. seus versos encantam e acolhem a minha alma. são eruditos, criativos e de extrema beleza. Alisson ou “Poetanjo”, como o chamo, abriu suas asas sobre mim, quando leu um lamento que escrevi no blog da minha querida Milady e me surpreendeu com este belo poema, que compôs para me consolar.

Anjos...

a minha insônia é o teu sonho
da vigília que se pede a quem tem asas
para cobrir o assustar-se
anjos devem ser irremediavelmente insones

nas beiradas de cobertas o velar é necessário
jamais piscar os olhos e perder teus passos
- entregar-se é às vezes algo absurdamente unilateral-

anjos devem ser responsavelmente vigilantes

do estar-longe-sempre-presentes pensarão
todos os milésimos
e em alguns momentos, chorar, talvez
uma lágrima de solidão

anjos não podem pensar nisso

estender mãos e almas
coração: isso tudo é um só

pessoas são anjos
sempre pensativas olhando o luar.

****

meus queridos “Poetamigos”, minha eterna gratidão, meu carinho, minha amizade. nunca, nem em sonhos, ousei me imaginar musa.
seus versos, vou levar comigo para sempre, guardados dentro do meu ♥.

adoro Vocês!

beijos