sábado, março 29, 2008

sábado, março 29, 2008

Como Água


Quem dera fosse fogo
esse meu amor
(fogo se apaga).

meu amor é pura água,
que bate, bate e bate
em pedra dura,
pelos olhos deságua,
mas nunca se acaba.

(talvez um dia essa pedra
se transforme em espuma).