sábado, dezembro 22, 2007

sábado, dezembro 22, 2007

O Melhor Natal!

Já estavam combinados, ele ficaria parte da noite com a mulher e os filhos, mas, logo após a meia noite, viria vê-la e então brindariam, juntos, o Natal.

Feliz, preparou a ceia com o que ele mais gostava, colocou o pró-seco para gelar, enfeitou a mesa com bolas coloridas, velas e flores...

Banhou-se em águas com pétalas de rosas, massageou o corpo com óleos perfumados, escovou cem vezes os longos cabelos...

Olhou-se no espelho e gostou do que viu, estava bonita em sua morenice, os olhos e a pele brilhavam.

Ele havia lhe pedido que seu presente fosse ela mesma, então queria caprichar na embalagem.

Vestiu-se de vermelho, cor do Natal. No vestido havia gasto toda sua gratificação natalina, mas valeria a pena, ia se dar de presente, teria que estar mais bela do que nunca. E ficou, ela mesma se achou.

Ansiosa ouviu o sino da igreja badalar as doze vezes, doze fogos explodirem... logo ele chegaria, certeza tinha.

Uma hora, uma e meia, duas horas, ela lá, sozinha, embrulhada para presente.

Chorar não iria, não na noite de Natal, logo ela que sempre adorou esta época do ano. Lembrou-se do anúncio que tinha lido no jornal e que na hora desdenhara.

Você que é uma mulher moderna não passe sua noite de Natal sozinha, temos o acompanhante perfeito para lhe desejar boas festas. Aceitamos Cartões de Crédito e prometemos sigilo absoluto.

Não teve dúvidas. Ligou e fez a “encomenda”, queria pressa na entrega, tamanha era sua urgência.

Vinte minutos depois, eis que surge o rapaz... moreno, alto, bonito e sensual...

Ceiaram, brindaram, dançaram, se amaram loucamente, ali mesmo no tapete da sala.

Doze mil sinos badalando, doze mil fogos explodindo, ela ouviu. Sua madrugada virou uma festa de luzes e cores...

Dia seguinte acordou feliz, pagou dobrado ao rapaz e teve o cuidado de reservá-lo para o dia 31, para o carnaval, para a Páscoa, para o dia dos namorados e, claro, para o próximo Natal.

Olhou a foto do outro sobre a mesinha de cabeceira, beijou-a com paixão e disse:

- Obrigada meu amor pela sua ausência, foi o melhor Natal da minha vida, você sabe como me deixar feliz!